8.1.17

Calvário, Museu de Évora

Calvário (séc. XV), Museu de Évora

26.12.16

Praça de Londres, Lisboa

A tomar café na Praça de Londres, Lisboa.
(Datas nunca foi o meu forte... hoje é dia 26.)

19.12.16

Bifana e Taça de Tinto

Mais uma breve passagem por Lisboa e mais uma paragem numa tasca lisboeta. E mais uma bifana e uma taça de tinto. A conversa no interior do estabelecimento trouxe-me à memória os diálogos que o Nelson Paciência e a Manuela Rolão habitualmente registam nos seus desenhos.

9.12.16

Igreja do Espírito Santo, Évora

Igreja do Espírito Santo em Évora, edificada no século XVI, vista do Pátio de São Miguel.

29.11.16

Barro Preto de Bisalhães

O Barro Preto de Bisalhães foi inscrito hoje na lista de Património Cultural Imaterial que necessita de salvaguarda urgente por estar em vias de extinção.
Há cerca de 10 anos procurei Bisalhães precisamente pelas características da sua olaria donde trouxe esta fantástica peça que é um assador com a forma de peixe.

27.11.16

Empada e Taça de Tinto


Empada de Galinha e Taça de Tinto numa breve passagem por Lisboa.

16.11.16

Ruínas da Igreja de S. Vicente, Évora

Ruínas da Igreja de S. Vicente, no concelho de Évora, perto de Montoito.

21.10.16

Forte da Graça, Elvas

 Forte da Graça, Elvas
Um Encontro Nacional de Urban Sketchers organizado pela AIAR e integrado no «Traço 2016» - Festival de Desenho de Elvas.
O Forte da Graça é surpreendente e, neste dia, a luz estava fantástica.

6.10.16

Piquenique

Piquenique com amigos à beira das águas do Rio Guadiana.

25.9.16

(a) Riscar o Património na Cerca Velha, Évora

Torre das Cinco Quinas
Torre, Jardim dos Colegiais

Desenhos realizados no âmbito do 41º Encontro de Évora Sketchers integrado no Encontro Nacional promovido pela Direcção Geral do Património Cultural em parceria com os Urban Sketchers Portugal.

28.8.16

Rua das Farinhas, Lisboa

Um excelente desafio lançado por Pedro Cabral e os Urban Sketchers Portugal que consiste em desenhar nos locais onde Roque Gameiro desenhou Lisboa Antiga. Foi sugerido o blogue de Mário Marzagão que fotografou esses locais na actualidade e publicou em simultâneo os desenhos e as suas imagens, apresentando igualmente um google map com os sítios.
Encontrei este local tranquilo e à sombra e aí passei uma hora e um quarto a desenhar. Acrescentei um pouco mais em relação à imagem do Roque Gameiro pois optei por desenhar na horizontal e não deixar parte da folha em branco.

26.8.16

Livro «Monte Branco (Alentejo)»

Uma edição com uma pequena tiragem para oferecer àqueles que comigo passaram estes dias no Monte Branco (Alentejo) em 2015. Formato A6. 24 desenhos.
Estou a preparar uma edição com a totalidade dos desenhos: 36.